Selo de qualidade Shondanás: Motivos para assistir How To Get Away With Murder

Depois de passar um bom tempo aqui no blog sem falar muito sobre filmes e séries, finalmente eu consegui um tempinho para colocar uma nova série em dia e agora estou aqui para falar alguns motivos para assistir "How To Get Away With Murder", da Shondanás digo, Shonda Rhimes.
"Michaela, Wes, Laurel e Patrick são ambiciosos calouros de Direito da prestigiada academia East Coast Law School, onde apenas os melhores alunos podem participar de casos reais. Eles competem entre si para conseguir a atenção da carismática e sedutora Professora Annalise DeWitt (Viola Davis), na aula de Direito Criminal 1, também conhecida como "Como Se Livrar de Um Assassinato".
 1) Annalise Sendo Foda Keating
A primeira aparição dela na série escrevendo no quadro negro já foi o suficiente para mostrar que ela seria uma personagem foda, dessas professoras que colocam moral na turma e que é capaz de colocar medo em alguém bastando apenas um olhar. E ela não é apenas uma ótima professora, mas também é uma excelente advogada, ao ponto que se pode ser considerada um tanto quanto seletiva em questão aos casos em que ela trabalha. Ela não aceita derrotas, de modo que consegue ser estrategicamente manipuladora. Mas apesar de toda essa aparência forte e inatingível que  a personagem passa, Annalise também é uma mulher frágil por dentro, e isso se torna evidente ao decorrer da série.

E acho que aqui vale parabenizar o excelente trabalho que Viola Davis vem fazendo na série, tanto é que em 2015 ela acabou se tornando a primeira mulher negra a ganhar Emmy de melhor atriz dramática. A atuação é simplesmente impecável.

2) Roteiro e diálogos inteligentes
Você devia prestar atenção. É capaz de você aprender alguma coisa.
HTGAWM é uma série que não da para assistir enquanto você está fazendo outra coisa, pelo menos eu não consigo. Basta apenas que eu me distraia por alguns minutos para que eu deixe de entender o que está acontecendo, e isso se deve aos diálogos bastante inteligentes (nessas horas até bate uma vontade de fazer Direito), sem contar que o roteiro é muito bem preparado e longe de ser algo previsível, você acha que vai acontecer tal coisa e o final acaba sendo completamente diferente do que você estava prevendo. Então, pessoalmente eu acho que essa é uma série em que é preciso de atenção para assistir, mas se bem que depois de ter começado você fica ansioso para saber o que vem em seguida. É viciante essa série, tem o selo de qualidade Shonda Rhimes (e isso significa que talvez ela acabe matando um personagem do qual você gosta, como ela sempre faz).

3) Personagens bem construídos
Nesse quesito eu tenho duas coisas para falar: um pouco da diversidade na escolha do elenco, e a quebra de alguns estereótipos que acabam sendo quebrados ao longo da série.
Para começar a professora e advogada super foda é uma mulher negra casada com um homem branco (e bem mais sucedida do que ele, pelo menos na minha opinião), o protagonista da série também é negro; há um personagem gay que está longe de ser aquela imagem muito afeminada  que as pessoas normalmente tem dos homossexuais; tem uma mulher loira e que de burra não tem nada.
Em HTGAWM tudo é o que você pensa que é, os personagens assim como o enredo sempre acabam surpreendo de alguma forma.

4) Mistério e mais mistério
Para quem gosta de séries de mistério/suspense precisa urgentemente começar a assistir HTGAWM, logo no episódio piloto começa com um acontecimento bombástico e que aos poucos vai sendo revelado como tudo aconteceu, e mesmo depois disso ainda tem mais mistério para ser desvendado! Mal posso esperar para começar a acompanhar a segunda temporada, pois tudo indica que ainda vai ter mais coisa para ser desvendada!

BÔNUS: CONNOR WALSH
Sem um pingo de dúvidas esse é o meu personagem favorito da série inteira! Morro de amores pelo personagem e pelo ator Jack Falahee, que é um verdadeiro amorzinho.
E aqui estão algumas razões para se amar o Connor, e caso você tenha interesse em saber de todos os 23 aqui está o post original: 23 Reasons Connor Is The Best Part Of “How To Get Away With Murder"
1- Ele não tem medo de dizer o que pensa (He’s not afraid to say what he thinks)
2- Ele mantem a calma em situações estressantes (He keeps calm in stressful situations)
3- Basicamente, sua sensualidade não conhece limites (Basically, his sexiness knows no bounds)
4- Ele também tem um grande senso de humor (He also has a great sense of humor)
5- Não se lembra de algo? Sem problema. Connor pode corrigir (Have a memory block? No problem. Connor can fix it)
Se você já acompanha essa série ou tem vontade de assistir não deixe de comentar algo aqui, e também sempre estou aceitando sugestões de novas séries para quem quiser recomendar.
  • Share

Alguns conselhos realmente úteis

Para os leitores que acompanham o blog eu já tinha avisado anteriormente que os meses de setembro outubro (principalmente esse) seriam bem corridos para mim, devido questões escolares e dos vestibulares. De tal forma que não estou conseguido ficar tão presente aqui como eu gostaria de estar, mas nessa semana enquanto eu mexia no meu facebook encontrei no meu feed um post bem interessante que reunia os 66 Conselhos realmente úteis (que ninguém dá).

Mesmo sendo de 2013 eu achei bastante interessante esse post, sem contar que acaba sendo útil para qualquer hora. Sendo assim, resolvi reunir os conselhos que eu mais gostei, e caso você esteja interessado em ver todos os 66 conselhos aqui no blog de onde eu tirei alguns dos conselhos.

1) Algumas pessoas acham normal te julgar… tente não ser como elas. E as ignore.
2) Ser bem sucedido tem significado diferente para cada pessoa. Respeite isso.
3) Não reclame da sua vida porque não tem um carro, ou a casa que gostaria… não ter sorte significa outra coisa.
4) Você não é tão estranho quanto acha que é… Todo mundo se sente diferente dos outros.
5) Você não pode se livrar dos seus medos… Mas pode aprender a viver com eles.
6) Boa imaginação é sinal de inteligência.
7) Diversão é um conceito relativo.
8) Algumas vezes ser preguiçoso é bom para você.
9) Se desafie um pouco todos os dias.
10) Não é uma coincidência que as pessoas mais admiráveis são também as mais modestas.
  • Share